Como escolher um fornecedor de confiança com a ISO 27001 

5 de janeiro de 2023
Como escolher um fornecedor de confiança com a ISO 27001 

Escolher um fornecedor não é uma tarefa fácil, principalmente na era da informação. Para que essa tarefa seja bem-sucedida é necessário avaliar critérios como qualidade de serviço, segurança das informações e privacidade de dados, alguns fatores atendidos pelas normas e a família da ISO 27000, conjunto de certificações de segurança da informação e proteção de dados para empresas e órgãos públicos. 

Em primeiro lugar, em qualquer negócio, a segurança da informação é um tema estratégico que não pode ser ignorado. Empresas que buscam otimização de processos e rotinas, melhoria da comunicação, eficiência na gestão empresarial, redução de custos e maximização de resultados precisam contar com bons fornecedores para prover soluções adequadas. 

Como a dependência de alguns fornecedores é inquestionável, o melhor caminho é traçar uma estratégia para que ele se torne um parceiro que colabora para o êxito do negócio, e as certificações são uma ótima forma de se fazer isso. 

Importância da Segurança da Informação 

Você já parou para pensar na diferença entre privacidade e segurança? Para elucidar melhor este conceito pense na seguinte analogia.  

Você chega em casa e espera ter um momento de privacidade fazendo algo que você gosta, mas a sua casa não possui portas e alguém entra, invadindo sua privacidade.  

Se a sua casa tivesse portas, você poderia fechá-las, garantindo a sua privacidade naquele momento. Entretanto, como você não as possui, você não tem um sistema de segurança que possibilite que você tenha privacidade. Ficou mais claro o conceito agora? 

A Segurança da Informação vai muito além da proteção de dados, ela é uma estrutura que protege a informação baseada em três pilares: Integridade, Disponibilidade e Confidencialidade.  

  • Integridade: zelar pela qualidade das informações de forma que permaneçam completas e inalteradas;  
  • Disponibilidade: garantir que as informações estejam disponíveis para consulta independente de fatores externos como quedas de energia e indisponibilidade de internet por parte do fornecedor; 
  • Confidencialidade: manter as informações restritas apenas aos responsáveis devidamente identificados. 

A verdade é que com a chegada da tecnologia em todas as áreas, adequar seus processos internos de acordo com as diretrizes da segurança da informação e atender as normas locais de proteção de dados pessoais é garantir ao seu consumidor a qualidade de um produto ou sistema robusto e confiável. 

Normas regulamentadoras e a gestão da segurança da informação 

As normas exercem um papel de determinar diretrizes que orientam a execução de atividades estabelecendo padrões que garantem a excelência em toda execução. 

As normas ISO/IEC são normas de cunho técnico voltadas para estruturação de processos organizacionais. No caso da norma ISO/IEC 27001, estabelece diretrizes para gestão de sistemas de apoio à Segurança da Informação. 

Através dela, as companhias se comprometem a aderir às diretrizes da segurança da informação, criando uma estrutura de proteção da informação que irá resultar entre outras coisas na proteção dos dados. 

Como escolher um parceiro de confiança  

Certificações como a ISO/IEC 27001 e a ISO 9001 são de caráter voluntário, ou seja, são adquiridas pela vontade da companhia em melhorar seus processos internos e não apenas de fazer o básico ao cumprir a lei.  

Em uma pesquisa de 2021, foi levantado que no Brasil apenas 165 empresas contavam com a certificação ISO/IEC 27001 de um total de cerca de 18 milhões de empresas ativas no mesmo ano. Esse valor não chega nem a 1% do total de empresas brasileiras.  

Embora a propaganda tenha um grande papel no processo de decisão de compra, a recomendação por parte de terceiros é o maior diferencial na hora de fazer uma nova aquisição. Comprar algo com garantias de origem e qualidade facilita o processo de decisão.  

A mesma lógica funciona na hora de escolher um fornecedor de confiança. Optar por empresas certificadas garante uma entrega satisfatória no final da negociação.  

Por isso, levar em consideração a preocupação do seu fornecedor na entrega de um serviço/produto com seus sistemas de gestão certificados é um fator que deve ser considerado na escolha de um bom parceiro de negócios.  

A Dynamox possui certificação da ISO 27001 desde o ano de 2021, certificação esta reconhecida internacionalmente. A implementação dos padrões de segurança da informação foi realizada em tempo recorde pela companhia, em apenas 9 meses. 

Nosso comprometimento com a melhoria contínua 

Avançar continuamente nos processos de desenvolvimento pessoal e profissional é uma característica da equipe da Dynamox. Por isso, no ano de 2022, a Dynamox foi em busca de complementar suas certificações.  

No mês de dezembro a empresa foi certificada em duas normas complementares a ISO 27001. Sendo elas:  

  • ISO 27701: uma extensão da ISO 27001 que visa adequar organizações aos controles de dados sensíveis de acordo com a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) e General Data Protection Regulation (GDPR); 
  • ISO 27018: um código de práticas concentrado na proteção de dados pessoais na nuvem. 

A Dynamox também possui certificação ISO 9001 voltada para os seu Sistema de Gestão da Qualidade. Assim, trazendo qualidade e segurança em seus processos internos e nos serviços fornecidos.  

Saiba mais sobre as políticas e procedimentos de responsabilidade da Dynamox


Canais de Comunicação

Assine a newsletter e receba os nossos conteúdos

DynaPredict
Empresa
Conteúdo
Suporte
Unidades
icon

icon
icon
icon
icon
icon

@ Dynamox.

Todos os Direitos Reservados.

ISO
Great Place To Work

@ Dynamox.

Todos os Direitos Reservados.